Anunciado balanço da ‘Operação Montevidéu’

0

A Secretaria da Segurança Pública apresentou, na tarde desta quinta-feira (9), o resultado da Operação Montevidéu, deflagrada, durante a madrugada, pelas policias Civil, Militar, com o apoio da Superintendência de Inteligência da SSP, nos bairros do Uruguai, Massaranduba, Jardim Cruzeiro e Nordeste de Amaralina.

Durante a ação foram cumpridos cinco mandados de prisão, diversos de busca e apreensão e flagrante de seis pessoas, com drogas e armas. A operação fez parte de uma ação nacional, proposta pelo Conselho Nacional dos Chefes da Polícia Civil (CONCPC) para combater o tráfico de drogas e os homicídios.

Estão presos Tiago Eduardo de Alcântara dos Santos, 26 anos, Rafael de Alcântara Santos, 19, Paulo Rodrigo Lima Pereira dos Santos, 21, Ânderson Oliveira, o “Oreia”, 24, Jaílton Sales dos Santos, 30, Jair Sales dos Santos, 27, Luciano Vitória Ferreira, o “Zóio”, 19, Murilo Santana, 26, e o policial militar reformado José Roque de Oliveira de Jesus, 54. Outros dois criminosos, Alessandro Silva Santos, o “Hominho”, 22 e José Hilton dos Santos, 31, acabaram feridos durante confronto com a polícia e se encontram sob custódia no Hospital Geral do Estado.

Os apresentados fazem parte das quadrilhas dos traficantes José Roque Paixão de Jesus, o Ninho”, e Alexsandro de Jesus Santos, o “Alex Gago”, foragidos e que brigam pelo controle do tráfico nos bairros localizados na Cidade Baixa e também no Nordeste de Amaralina. Com eles foram apreendidos crack, maconha, cocaína, uma pistola ponto 40, com carregador, um revólver calibre 38, munição, uma faca, uma espada, um revólver de brinquedo, duas balanças eletrônicas, ampolas para embalar a droga, seis aparelhos celulares e R$ 274.

Cerca de 210 policiais participaram da ação, resultado de uma investigação que durou cinco meses. Após estas prisões, a polícia espera elucidar, ao menos, oito homicídios nos quais os acusados estão envolvidos. Os criminosos serão encaminhados para o Presídio de Salvador, no Complexo da Mata Escura.

Alagoinhas

Três traficantes foram presos, nesta quinta-feira (9), por investigadores da 2ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Alagoinhas), durante cumprimento de mandados de busca apreensão em diferentes bairros da cidade. Com Osvaldo Pinheiro Alves, 73 anos, Maria Márcia de Souza Nascimento, 35, e Edneia Alves da Cruz, 36, foram apreendidos armas, drogas e dinheiro procedente da venda de entorpecentes.

Na residência de Osvaldo, na Praça Kennedy, os policiais apreenderam crack, 30 ampolas plásticas para embalar drogas e R$ 11 mil. Em poder de Maria Márcia, moradora da Rua Catu, foi encontrado um tablete com mais de meio quilo de maconha e um revólver calibre 38 municiado. Já com Edneia, residente no bairro Santa Isabel, havia pequena quantidade de maconha, uma espingarda de fabricação caseira e um colete balístico.

Autuados em flagrante por tráfico de drogas e porte ilegal de arma, os criminosos ficarão custodiados na carceragem da 2ª Coorpin, à disposição da Justiça.

Teixeira de Freitas

Quatro mandados de busca e apreensão, cumpridos em imóveis utilizados como ponto de tráfico de drogas, e quatro pessoas conduzidas à delegacia, com entorpecentes e munição, na manhã desta quinta-feira (9). Este foi o balanço de uma ação realizada pela 8ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Teixeira de Freitas), em parceria com a Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes local.

De acordo com o delegado Wendel Ferreira, titular da DTE/Teixeira de Freitas, a operação teve início no bairro Vila Vargas, onde Cleuza de Oliveira Braga, 53 anos, foi flagrada com 50 gramas de cocaína, munições para calibre 38 e 32, uma balança e R$ 772 em dinheiro, na casa 266 da rua Inácio Soares de Pádua.

Clemência Maria de Jesus, a “Kelé”, 59 anos, tinha um papelote de cocaína e estava em companhia de Gilenildo de Jesus, 38, na rua São Benedito, bairro Tancredo Neves. Gilenildo admitiu ser usuário e foi liberado, após assinar um termo circunstanciado por uso de droga.

Uma agenda, contendo anotações referentes à movimentação do tráfico, foi encontrada na casa de Lindiária Bonfim Oliveira, 33, no bairro Eixo Sul. Interna do Conjunto Penal de Teixeira de Freitas, onde cumpre pena em regime semiaberto por tráfico de drogas em Prado, Lindiária também foi conduzida à delegacia para prestar esclarecimentos.

Vitória da Conquista

Dois adolescentes de 14 e 15 anos foram apreendidos, em Vitória da Conquista, por investigadores do Núcleo de Tóxicos e Entorpecentes (NTE) da Polícia Civil, na noite de quarta-feira (8), quando vendiam drogas num campo de futebol, no bairro Patagônia. Ao perceberem a presença dos policiais, dispersaram-se, sendo contidos pela equipe do NTE, em dois imóveis que invadiram.

Embaixo de duas pedras, no campo de futebol, esconderam 27 sacos com maconha, pesando aproximadamente 50 gramas, e oito porções de crack. Depois de apresentados no Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep), os adolescentes foram encaminhados para o Juizado da Infância e Juventude.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here