Casal desaparecido queria viver junto

0

Investigadores da Delegacia de Proteção à Pessoa (DPP) localizaram, na terça-feira (14), o casal de estudantes da Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC) desaparecido desde o dia 9, data em que fizeram o último contato com os familiares, residentes em Senhor do Bonfim. Os universitários, ambos de 17 anos e que estavam num quarto alugado num sobrado na Vila Matos, já estão com as famílias.

Sem notícias dos filhos, que não atendiam as ligações telefônicas, as mães dos estudantes vieram para Salvador no sábado (11) e procuraram a DPP para registrar o desaparecimento. Uma equipe daquela unidade policial entrou em contato com vários amigos dos jovens indicados pelas elas, entre os quais um rapaz de prenome Diogo, que apontou o paradeiro do casal, que chegou a tingir os cabelos de loiro para não ser reconhecido.

Na DPP, o rapaz, que estuda Odontologia, e a garota, aluna do curso de Direito, disseram à delegada Luciana Rocha Lopes, que já tinham planos de deixar o apartamento onde moravam com outros dois colegas da FTC, no bairro São Rafael, para viverem juntos.

Chegaram até a vender uma TV de LCD de 40 polegadas, furtada de uma colega que dividia com eles o imóvel, para pagar o depósito do aluguel do quarto onde passaram a morar na Vila Matos.  A vítima registrou queixa na Delegacia para o Adolescente Infrator (DAI) e as famílias do casal se comprometeram a pagar o valor do eletrodoméstico.

Segundo a delegada, eles – que afirmam estar apaixonados e que continuarão juntos, mesmo que tenham que interromper os estudos e retornar para Senhor do Bonfim – revelaram que pretendiam procurar emprego para bancar as despesas da vida a dois.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here