Funcionária de lanchonete é usada como ‘escudo’ e morre em atentado

0

A funcionária de uma lanchonete no município de Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador, morreu na noite de quinta-feira (20), após ter sido atingida na cabeça ao ser usada como ‘escudo’ de um jovem que era perseguido pelo autor dos disparos. As informações são da Superintendência de Telecomunicações das Polícias Civil e Militar (Stelecom).

De acordo com a 23ª Delegacia Territorial (DT/Lauro de Freitas), Joseane Santos Souza, de 37 anos, trabalhava em um estabelecimento chamado “Point da Coxinha”, por volta das 19h30, quando um homem armado invadiu o local em busca de um adolescente.

Em tentativa de fuga, segundo a polícia, o jovem perseguido se escondeu atrás da funcionária que acabou sendo atingida por um dos disparos. Joseane não resistiu ao ferimento e acabou morrendo no local do crime.

O adolescente, que era alvo do suspeito, foi atingido por um tiro no abdômen e encaminhado para o Hospital Menandro de Farias, em Lauro de Freitas. Segundo a 23ªDT, o jovem foi operado e está em estado estável. Antes do procedimento cirúrgico, conforme a polícia, o jovem disse que conhecia o homem responsável pelos disparos, mas que o criminoso estava em busca de um outro rapaz que teria conseguido fugir do local.

As investigações iniciais da polícia apontam que o suspeito do crime cobrava dívidas referentes ao tráfico de drogas. O adolescente hospitalizado deve ser ouvido novamente nesta sexta-feira (21) pelo Sistema de Investigação (SI) da 23ª DT.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here