Polícia procura autor de duplo homicídio na Piedade

0

Imagens gravadas pelo circuito de segurança de um estabelecimento comercial, na Rua Carlos Gomes, no Centro, vão auxiliar a polícia na identificação do autor dos assassinatos de João Solidade da Silva, 34 anos, e Paulo Roberto Carvalho Lima, 53, mortos a tiros na manhã de hoje (8), na Praça da Piedade, em Salvador. O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) constatou que a dupla têm várias passagens pela polícia por tráfico de drogas e associação para o tráfico, no estado do Amazonas, de onde João é natural.

Publicidade

Equipes do Serviço de Investigação de Local de Crime (SILC), do DHPP, estiveram no local, onde colheram informações preliminares para o inquérito, já instaurado que apura as circunstâncias dos homicídios.  O Departamento de Polícia Técnica (DPT) também já realizou a perícia. Equipes do DHPP, do Grupo de Apreensão e Captura (GRAC), Departamento de Polícia Metropolitana (Depom), 1ª Delegacia Territorial (DT/Barris), Grupo de Investigação com o Apoio de Motocicletas (Gicam) e Coordenação de Operações Especiais (COE) estão empenhadas na identificação e captura do executor.

TRÁFICO

O diretor do DHPP, delegado Jorge Figueiredo, afirmou em coletiva à imprensa, na tarde desta terça-feira (8), que a linha de investigação aponta que o duplo homicídio pode estar relacionado ao tráfico de drogas. “Já estamos em contato com a Polícia Civil do Amazonas e a Polícia Federal para conseguir informações sobre as atividades ilícitas da vítima e chegar a uma possível autoria com base nessas informações”, salientou o delegado.

João e Paulo, que é natural de Feira de Santana, mas teve o último RG expedido também no Amazonas, foram executados com um tiro no rosto, cada, por um homem que aparece nas imagens gravadas pelo circuito de segurança, fugindo com uma arma em punho. “Pela precisão dos tiros é possível tratar-se de um pistoleiro contratado para executar as vítimas”, explicou o delegado. Uma mulher que passava pelo local no momento do crime foi ferida na perna. Quécia Gregário Barbosa Santos, 25, não corre risco de morte.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here