Trazia para Salvador 100 quilos de maconha

0

Cem quilos de maconha prensada foram apreendidos, na madrugada desta quarta-feira (8), no Conjunto Vila Verde, em Feira de Santana, durante operação deflagrada pela Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes local, no bairro Feira X. A droga estava em poder de Danilo Galdino de Lima Silva, 31 anos, que a venderia em Salvador, conforme revelou ao ser preso.

Segundo o delegado Matheus Souza, titular da DTE/Feira, os investigadores abordaram Danilo quando ele saía do conjunto residencial com a maconha escondida no porta-malas de um Uno, de cor cinza, placa NZY-9906. Autuado em flagrante por tráfico, ele ficará custodiado na carceragem do Complexo Policial de Feira de Santana.

Investigadores da 1ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Feira) apoiaram a operação coordenada pelo delegado Matheus Souza, que investiga a procedência da droga, que, juntamente com o carro, seguiu para perícia no Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Denunciados

Em apenas 24 horas, investigadores da 4ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Santo Antônio de Jesus) prenderam, em diferentes bairros, dois traficantes que atuavam na cidade, ao averiguarem informações da comunidade encaminhadas ao serviço Disque-Denúncia (181): Robson de Andrade Fonseca, o “Psico”, na manhã desta quarta-feira (8), em casa, no Urbis I, e Ademário Fonseca dos Santos, o “Nona”, na tarde de terça-feira (7), no bairro Bela Vista.

Com Psico, a equipe da 4ª Coorpin apreendeu uma pequena quantidade de crack e de cocaína pronta para venda, seis pinos para armazenar cocaína e R$ 114. Flagrado em via pública, Nona, que portava quatro porções de maconha e R$ 57, tentou se livrar do flagrante descartando a droga.

Os denunciantes informaram que, para despistar a atividade do tráfico, Nona costumava circular com pequenas quantidades de droga, passando-se por usuário, caso fosse preso. Ainda sem antecedentes criminais, ele foi flagranteado e conduzido para a 4ª Coorpin.  Com passagens pela polícia por diversos crimes, Psico também foi autuado por tráfico, ficando à disposição da Justiça na mesma carceragem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here