Camaçari: Oposição pede anulação de contrato da prefeitura com a Ideia Digital

0

A bancada do Democratas da Câmara de Vereadores de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), voltou a solicitar ao prefeito Luiz Caetano (PT) o cancelamento de três contratos que a atual gestão mantém com a Ideia Digital. A empresa de informática foi alvo, nesta sexta-feira (11), de uma operação da Polícia Federal (PF) que apreendeu documentos em sua sede, localizada no bairro de Pernambués, em Salvador. “Nós já solicitamos ao TCM que apure como esses recursos estão sendo gastos.

A oposição encaminhou um pedido à administração municipal detalhando a execução dos contratos, mas não obtivemos resposta. É uma verdadeira caixa preta”, acusou o vereador Antônio Elinaldo (DEM). Segundo o edil, os convênios somam R$ 6,8 milhões e um deles é parecido com o que foi denunciado em João Pessoa pelo programa Fantástico, da Rede Globo. A reportagem mostrou que a prefeitura da capital paraibana teria contratado a companhia para a instalação de um sistema de internet sem fio gratuita na cidade. Nos convênios firmados, há indícios de superfaturamento, por meio de licitações fraudulentas, e cobrança de propina para executar o projeto Jampa Digital, que nunca funcionou em João Pessoa. “O que causa estranheza é que, ao invés de a prefeitura de Camaçari rever os contratos e primar pelo cumprimento dos mesmos, de forma irresponsável promove aditamentos. (…) Tudo isso é muito suspeito. Vale frisar ainda que um dos diretores da empresa foi funcionário do prefeito Luiz Caetano”, acusou o democrata.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here