Em seis dias, 31 pessoas foram assassinadas em Salvador

0

Depois de enfrentar a greve da Polícia Militar no início deste ano, que chegou a ameçar o Carnaval de Salvador, a população baiana ainda tem que encarar a paralisação dos professores estaduais e dos rodoviários, que trouxeram prejuízos para os baianos nesta semana.

Em Salvador e região metropolitana, desde segunda-feira (21) até a manhã deste sábado (26), 31 pessoas foram assassinadas, de acordo com dados da Secretaria da Segurança Pública. Ainda segundo o órgão, 7 pessoas foram vítimas de tentativa de homicídio, no mesmo período.

A notícia continua após esta Publicidade

A quantidade de veículos furtados e roubados também foi grande no período. A SSP informou que 49 veículos foram roubados, e 17 furtados. Desse total, 18 foram recuperados.

Jornalista assassinado em Lauro de Freitas
Um jornalista foi assassinado dentro de casa, no loteamento Jardim Centenário, em Itinga, Lauro de Freitas, Região Metropolitana de Salvador, após receber diversos tiros dentro de casa, na noite de sexta-feira (25).

O jornalista Fabiano Bastista Bluzz, 33 anos, foi assassinado dentro de casa, no loteamento Jardim Centenário, em Itinga, Lauro de Freitas, Região Metropolitana de Salvador, após receber diversos tiros dentro de casa, na noite de sexta-feira (25).

Segundo a polícia. Fabiano foi baleado pelo prórpio cunhado identificado como Jorge Ribeiro, após os dois discutirem na noite de sexta-feira (25). Jorge fugiu após o crime e continua foragido. Saiba mais sobre o crime.

Caso no bairro de São Marcos
Um homem identificado como Cristiano da Cruz Sousa, de 36 anos, foi vítima de tentativa de homicídio, na madrugada deste sábado (26), no bairro de São Marcos. De acordo com a Central de Polícia (Centel), o homem foi atingido por uma arma. Autoria e motivo do crime ainda são desconhecidos. A 10ª Delegacia (Pau da Lima) deve investigar o caso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here