Morre Makota Valdina, aos 75 anos

0

Morreu nesta terça-feira (19) Makota Valdina Pinto, aos 75 anos, em Salvador. Educadora, líder comunitária e destacada porta-voz das regiões afro-brasileiras, ela foi iniciada no Terreiro Nzo Onimboyá, no Engenho Velho da Federação, onde ganhou o cargo de makota (assistente de mãe de santo) que acabou se tornando uma espécie de pré-nome: Makota Valdina.

De falar muito vivaz, fluente e penetrante, em 2013 Makota Valdina lançou a autobiografia “Meu Caminhar, Meu Viver”, a cujo lançamento, no Forte da Capoeira (Santo Antônio Além do Carmo) acorreram inúmeras personalidades baianas. Ela também foi retrada no documentário “Makota Valdina – Um jeito Negro de Ser e Viver”, de Joyce Rodrigues.

A notícia continua após esta Publicidade

O sepultamento acontecerá hoje (19), às 15h30, no Cemitério Jardim da Saudade, em Brotas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here