Mulher de Eduardo Cunha é hostilizada no Farol da Barra e vai à delegacia

0

Mulher do ex-deputado federal Eduardo Cunha (MDB-RJ), que está preso, a jornalista Cláudia Cruz foi recebida aos gritos de “golpista” e “esposa de golpista” na tarde desta segunda-feira (15), quando passeava pelo Farol da Barra, em Salvador.

Ofendida, Cláudia pediu ajuda a policiais militares que estavam no local. Eles a encaminharam junto com a agressora, de identidade não revelada, à 14ª Delegacia (Barra), na Rua César Zama.

A notícia continua após esta Publicidade

De acordo com a delegada Carmen Dolores, a ocorrência foi registrada em forma de Termo Circunstanciado (TCO), utilizado para crimes de menor potencial ofensivo, às 15h, quando as duas chegaram à delegacia. Os ataques ocorreram meia hora antes.

Ainda segundo a delegada, Cláudia estava acompanhada da mãe, Neide Cordeiro Cruz.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here