Professores da Ufba decretam greve

0

Professores da Universidade Federal da Bahia (Ufba) decretaram greve por tempo indeterminado a partir desta quarta-feira (30). A decisão foi tomada em assembleia realizada nesta terça (29), às 16h, no Pavilhão de Aulas da Federação (PAF 1), localizado no campus de Ondina. Segundo a presidente da Associação dos Professores Universitários da Bahia (Apub), Silvia Lúcia Ferreira, a greve ainda precisa ser aprovada em um plebiscito, que deve acontecer nas próximas 48 horas. No entanto, ela disse que o ato é somente uma questão regimental. “Quem esteve aqui (na assembleia), já deve interromper as atividades amanhã (nesta quarta) e iniciar a mobilização nos campus, buscando apoio de outros professores e de estudantes”, afirmou Silvia Lúcia ao A Tarde. A paralisação na Bahia é uma adesão a um movimento nacional. Quarenta e cinco instituições de ensino brasileiras interromperam suas atividades para reivindicar uma reestruturação da carreira docente e a melhoria das condições de trabalho. A categoria diz que o governo fechou em 2011 um acordo com os professores que previa a revisão do plano de carreiras para 2013, além de um aumento de 4% a partir de março e a incorporação de gratificações. De acordo com nota disponível no Portal do Ministério da Educação, a presidente Dilma Rousseff já definiu o reajuste de 4% por meio da Medida Provisória nº 568, assinada no dia 11 de maio e publicada no Diário Oficial da União no dia 14.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here