Bolsonaro já defendeu porte de “peixeira”

0

Durante visita a Recife, em novembro de 2015, o então candidato à Presidência, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL), disse que iria defender o porte de “peixeira”, faca comprida com cabo de madeira bastante utilizada no Nordeste.

De acordo com a Folha, a declaração foi dada a jornalistas locais após Bolsonaro deixar o prédio de uma rádio na capital pernambucana, onde havia acabado de participar de um debate. Enrolado numa bandeira de Pernambuco, afirmou, em tom de piada: “Agora, vou defender o porte de peixeira”.

Na entrevista, Bolsonaro elogiou a forma como estava sendo recebido pelos recifenses. Ele se deixou fotografar com uma imensa bandeira de Pernambuco, segundo ele o local onde nasceu o Exército brasileiro, e aproveitou para fazer piada com os nordestinos: “agora vou defender o porte de peixeira”.

O Capitão da reserva foi esfaqueado em Juiz de Fora, em Minas Gerais, durante ato de campanha na quinta-feira passada (6). Ele se recupera de cirurgia no Hospital Albert Einstein. Segundo a unidade de saúde informou, o presidenciável vai se submeter a um novo procedimento cirúrgico para reconstruir o trânsito intestinal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here