Deputado Pastor Eurico dispara: “Xuxa é uma aberração”

0

O deputado federal Pastor Eurico (PSB-PE) se defendeu, mais uma vez, em net revista ao programa Se Liga Bocão, na noite desta segunda-feira (2), sobre as ofensas direcionadas à apresentadora global, Xuxa Meneghel. O socialista foi destituído da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) após a sessão realizada na Câmara, onde o parlamentar teria expulsado a “Rainda dos Baixinhos” da sessão relacionada à Lei da Palmada.

“Como posso e expulsar alguém da sua própria casa? A Câmara é a casa do povo. Inclusive o parlamento mais aberto do planeta é o brasileiro”, justificou. O parlamentar contou que seus questionamentos foram a partir de brechas que o projeto de lei 7.672/2010 possui. “Há dois anos discutimos isso. Não podemos fazer com que o Estado tenha responsabilidade que é dos pais. O Estado precisa cuidar de assuntos que envolva toda a sociedade e não questões de famílias”.

pastor-eurico-xuxa-aberracao

“Estávamos discutindo os termos do projeto quando ela [Xuxa] chegou acompanhada da ministra Ideli Salvatti, sentou na cadeira do presidente – o que o regimento não permite. Elas estavam lá como uma forma de intimidar. Não falamos nada porque ela não tinha direito à voz”, contou.

Segundo o parlamentar não houve hostilidade, mas voltou a afirmar que não pode aceitar a aprovação de uma lei que se refere à apresentadora. “O que querem é que essa lei seja nominada como Lei da Xuxa. Ela é uma aberração. Eu não posso permitir que uma senhora que fez filme pornô com uma criança de 12 anos seja representante disso”, completou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here