Diego Hypolito é proibido de participar do Faustão e apresentador detona COB: ‘Decisão imbecil’

0

O apresentador Fausto Silva criticou neste domingo o Comitê Olímpico do Brasil (COB) por conta de um veto de dirigentes da ginástica artística à participação de Diego Hypolito em um quadro musical de seu programa na Globo.

Diego foi convidado para o quadro “Ding Dong”, ao lado da irmã, Daniele. O atleta não foi e precisou ser substituído pelo comentarista de futebol Caio Ribeiro. Daniele disse que o irmão se ausentou por conta de compromissos profissionais com a seleção. Faustão rebateu: “Na verdade, o Diego não deve ter vindo porque teve problema com o treinador dele, o Fernando Carvalho, acusado de abuso sexual. Mas a gente esperava ele aqui”.

faustao-acusa-cob-de-censurar-presenca-de-diego-hypolito-em-seu-programa-1468792130013_v2_900x506

Ele se referia ao treinador Fernando de Carvalho Lopes, afastado da seleção de ginástica na sexta, após acusações de abuso sexual. Diego já negou ter tido problemas com o treinador. “Isso não tem nada a ver com ele (Diego). Ele viria aqui participar de um programa de televisão”.

A ausência de Diego irritou Faustão, que disse haver censura no caso. “O fato de o treinador ter sido afastado por causa de uma suspeita não tem nada a ver com ele. Aí o dirigente, que deve ser um imbecil, liga para ele antes de entrar no ar e fala manda ele não participar. Ficou o Diego chorando, porque era a chance que ele tinha de receber uma homenagem. Porque a gente sabe que as condições de atletas no Brasil são ótimas, não é? Igual Alemanha, Estados Unidos. Uma decisão imbecil, que só dirigente brasileiro toma uma atitude imbecil assim. A sociedade brasileira espera uma posição de Carlos Arthuz Nuzman, que não deve aparecer”, criticou Faustão.

Faustão falou ainda que se Diego entrasse no palco seria expulso das Olimpíadas, segundo uma ameaça que o atleta teria recebido por ligação de algum dirigente. Enquanto o comunicador falava do caso, o atleta chorava e passava mal nos bastidores, precisando ser socorrido por médicos e bombeiros, segundo revelou uma produtora do programa. Diego teria recebido uma ligação proibindo sua participação no programa, mas não foi revelado quem ligou.

Ao Uol, a assessoria do COB disse que a decisão para que Diego não fosse ao programa foi do técnico Marcos Goto, com quem Diego tem treinado, e da área técnica do COB, sem relação com Nuzman.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here