Dilma pode mexer em pensões e leis trabalhistas para estimular economia

0

A presidente Dilma Rousseff está analisando mudanças relativas a pensões, impostos e leis trabalhistas que poderiam estimular a economia do país sem que haja qualquer tipo de relaxamento na austeridade do governo, de acordo com comentários de uma fonte oficial à Reuters.

A fonte, que pediu para seu nome permanecer anônimo, disse que o governo também está considerando medidas adicionais, todas com intuito de reduzir o custo de negociações e reforçar a confiança dos investidores, porém não deu mais detalhes a respeito.

“O país necessita medidas de estímulo, mas sem que isto implique em custos fiscais”, comentou o informante. “Nós não vamos aumentar os impostos o baratear o crédito. Não vamos usar o modelo do passado”, completou.
763830d674053b1792e979f7206ca345
Além disso, duas outras pessoas também fizeram declarações à agência dizendo que nenhuma decisão de medidas definitivas havia sido tomada até o momento, apesar das discussões entre políticos e líderes econômicos.

Diante da maior recessão dos últimos 25 anos, a presidente afirmou na última semana o quão difícil foi o ano de 2015 para o Brasil, principalmente no âmbito econômico.Este 2015 foi um ano muito duro. Revendo minhas responsabilidades nesse ambiente de dificuldades, vejo que nossos erros e acertos devem ser tratados com humildade e perspectiva histórica”, afirmou Dilma. Ela também está sofrendo pressões por parte do Partido dos Trabalhadores e dos sindicatos para impulsionar a economia depois os benefícios fiscais e créditos subsidiados que tomaram conta de seu primeiro mandado.

Para o consultor Juan Jensend, da 4E Consultoria, “é muito difícil pensar em alguma medida que possa trazer algum crescimento em curto prazo, mediante ao espaço fiscal limitado”. “O anúncio de reformas econômicas soam como a melhor opção no momento, mas são muito difíceis de serem implementadas”, completou o especialista.

link-zap
Loading...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here