Eduardo Costa se defende nas redes sociais após acusação de racismo

0

Depois de ter sido acusado de racismo por chamar um amigo de “crioulo”, Eduardo Costa decidiu se manifestar. Irritado com as acusações, o sertanejo publicou diversos vídeos neste sábado (10) para se defender.

Publicidade

Durante o desabafo, Eduardo diz que tem a liberdade de chamar os amigos por apelidos e que o mundo está muito chato. O cantor defendeu ainda que tem 30 negros em sua equipe e que se preocupa apenas que o trabalho seja bem feito.

— Sou da geração dos anos 90, quando todos nos colocávamos apelidos nas pessoas e ninguém tava preocupado se ia ser processado, se alguém ia aparecer falando que era racismo… A gente vive numa época em que tudo que você expressa ou fala, as pessoas levam ao pé da letra, sabe? Tudo é preconceito, racismo… vão caçar uns siris, se preocupar com coisas maiores, rezar, procurar Deus, é isso que tá faltando pras pessoas. Que povo chato do c…

Eduardo ainda fez uma comparação polêmica para fortalecer seu discurso:

— Se você vai pra cama com uma mulher e essa mulher gosta de tomar uns tapas e você bate nela. Você está sendo agressor? Claro que não! É um jeito que vocês se entenderam, então tudo certo. A maldade não está na boca de quem fala, está no ouvido de quem ouve.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here