Governo cancela 180 mil auxílios-doença

0

O governo decidiu cancelar 180 mil auxílios-doença e prevê economizar R$ 2,6 bilhões por ano, segundo levantamento do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS). O resultado foi enviado ao G1 e diz respeito aos cancelamentos realizados até 14 de julho.

Publicidade

De acordo com a publicação, o pente-fino do ministério foi focados em beneficiários que há mais de dois anos não passavam por revisão no INSS, o que é obrigatório.

O auxílio-doença está previsto em lei e estabelece o repasse de dinheiro ao segurado do INSS que, por uma doença ou acidente, fica temporariamente incapaz de trabalhar. Para receber os recursos, a pessoa precisa apresentar laudo médico e passar por revisão.

Perícias

O Ministério do Desenvolvimento Social informou que foram pagos em julho 1,3 milhão auxílios-doença e o objetivo é revisar 530,1 mil.

Até o último dia 14 de julho, diz o governo, foram feitas 199,9 mil perícias e, segundo o secretário-executivo do MDS, Alberto Beltrame, a meta é concluir o pente-fino até setembro deste ano.

Dos 180,2 mil auxílios-doença cancelados:

159.964 foram cortados após perícia

20.304 foram cancelados em razão do não agendamento ou não comparecimento do beneficiário ao exame.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here