Grupo protesta em apoio aos estudantes na Av. Paulista

0

Organizações e movimentos populares realizam, na noite desta sexta-feira (13), um protesto em apoio à luta dos estudantes secundaristas do estado de São Paulo. O ato começou às 17 na Praça do Ciclista, na Avenida Paulista, na região central da cidade.

Por volta das 19h, os manifestantes seguiam pela Rua da Consolação, rumo ao Largo São Francisco. Às 21h30, eles se uniram ao ato realizado pelo Movimento Mães de Maio e Cordão da Mentira, em memória das vítimas civis da chacina de maio de 2006, que ocorre no Pateo do Collégio.

Grupo protesta em apoio aos estudantes na Av. Paulista

O grupo também é contrário aos cortes na educação e presta solidariedade aos secundaristas presos. A Polícia Militar desocupou ao menos três diretorias de ensino e uma Escola Técnica (Etesp) na Avenida Tiradentes, no Centro de São Paulo, na manhã desta sexta-feira (13). Estudantes que ocupavam os prédios, entre eles adolescentes, foram levados para três delegacias.

Até as 18h, pelo menos 67 estudantes tirados à força de ocupações tinham sido liberados. Foram registrados boletins de ocorrência contra os jovens por danos ao patrimônio. Eles negam todas as acusações.

ato_secundas6

Em nota, a Secretaria de Educação afirma que a PM encaminhou 89 pessoas, sendo 43 adolescentes e 46 maiores de idade, aos distritos policiais das respectivas áreas para registros de ocorrência de furto qualificado, dano qualificado, ameaça e dano ao patrimônio.

Ainda de acordo com a pasta, quatro suspeitos foram presos – dois por dano à ETEC São Paulo e dois por furto à Diretoria de Ensino de Guarulhos. Os indiciados por dano pagaram fiança, os outros dois seguem presos. Outros manifestantes prestaram esclarecimentos nas delegacias de cada região e foram liberados.

ato_secundas_2

Cerca de 17 alunos que ocupavam a Escola Técnica São Paulo, no Bom Retiro, foram levados para a 3ª Delegacia Policial. Outros 15 alunos que ocupavam a Diretoria Norte 1 foram levados para a 7ª DP. Todos os alunos já foram liberados. Outros 35 jovens que estavam na Diretoria de Ensino Centro-Oeste foram para a 23ª DP. Todos também já foram liberados.

Durante o ato na Avenida Paulista, um grupo serviu sanduiches, sucos e doces para os jovens. “Não tem merenda na escola, mas tem no ato”, ironizam.

link-zap
Loading...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here