Jornalista da Globo morre aos 63 anos em São Paulo

0

A jornalista Beatriz Thielmann, da TV Globo, morreu neste domingo (29) em São Paulo aos 63 anos. Ela lutava contra um câncer.

Publicidade

Beatriz deixa dois filhos. Em mais de 30 anos de carreira, ela cobriu fatos importantes para o país como a eleição e morte de Tancredo Neves, os jogos Panamericanos e a visita do Papa Francisco ao Brasil, entre outros.

A repórter chegou a cursar direito, mas trocou para o jornalismo depois de dois anos. Entrou na Globo no final de 1982. Na TV Globo, passou pelo Bom Dia Brasil, Jornal da Globo, Jornal Nacional, Globo Repórter e a GloboNews, cobrindo diversas áreas.


RTEmagicC_7b18fb23f9.jpg
Em 2003, Beatriz lançou o livro “De mulheres para mulheres”, com a médica Odilza Vidal, falando das novidades para a vida mulher depois dos 40 anos apresentadas pela medicina. Ela também dirigiu e roteirizou dois documentários – em 2005, “O Bicho Dá, o Bicho Toma”, sobre a preservação de animais silvestres. Em 2007, “Vento Bravo”, sobre a história musical de Edu Lobo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here