Morre o baterista do RPM, Paulo P.A. Pagni

0

Baterista do RPM, um dos grupos de maior sucesso do rock brasileiro dos anos 1980, P.A. Pagni, de 61 anos, faleceu neste domingo. Em mensagem compartilhada em rede social, o guitarrista Fernando Deluqui escreveu:

“Infelizmente temos a tristeza de anunciar o falecimento do nosso querido e eterno baterista, Paulo Antônio Figueiredo Pagni, o P.A. Nosso irmão partiu poucos momentos atrás, mas seu legado será eternamente lembrado. Pedimos a compreensão de todos nesse momento de dor e boas vibrações para que sua passagem seja em paz e com muita luz.”

A notícia continua após esta Publicidade

A nota é assinada por Fernando com o tecladista Luiz Schiavon e o vocalista e baixista Dioy Pallone ( o cantor original do RPM, Paulo Ricardo, afastou-se da banda e briga na justiça com seus ex-companheiros ). Os três prometeram dar mais informações em breve.

P.A. estava internado com fibrose pulmonar, doença respiratória crônica e progressiva caracterizada pela formação de excesso de tecido conectivo nas paredes dos pulmões. Por razões de saúde, ele não vinha participando de alguns dos shows da banda.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here