Mosquito da dengue tem gene alterado

0

Em Juazeiro, na Bahia, testes realizados por cientistas com mosquitos transgênicos incapazes de transmitir a dengue mostraram resultados promissores. O experimento, feito no último ano por pesquisadores da Universidade de São Paulo e da Moscamed, empresa que produz os mosquitos geneticamente modificados, foi apresentado em um seminário recentemente.

Publicidade

A premissa básica é substituir a população de machos do Aedes aegypti por mosquitos alterados. Eles têm uma modificação genética que, transmitida à prole, impede-a de sobreviver. Assim, todos os descendentes morrem antes que possam picar seres humanos e transmitir o vírus da dengue.

Durante o período de um ano, os cientistas liberaram em Itaberaba, um bairro de Juazeiro, mais de 10 milhões de mosquitos. Depois disso, coletaram amostras de larvas e constataram que entre 85% e 90% delas tinham o DNA modificado.Constatou-se uma redução de 75% na população do mosquito, em relação às de áreas não tratadas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here