Mulher que teve 45% do corpo queimado pelo ex-marido recebe nova pele

0

Nesta sexta-feira (3/5), a vítima de 47 anos que sofreu uma tentativa feminicídio em Sobradinho 1 teve uma nova pele implantada. A mulher foi atingida por ácido e teve 45% do corpo queimado. A face, o pescoço, o colo, o tórax e os membros superiores sofreram queimadura de terceiro grau.

A notícia continua após esta Publicidade

A cirurgia de reconstrução, realizada pela equipe do Hospital Regional da Asa Norte (Hran) durou, aproximadamente, quatro horas. A pele humana utilizada no procedimento foi enviada pelo Banco de Pele de Porto Alegre, a pedido dos médicos do hospital. A mulher segue internada para devido tratamento.

Segundo padronização do Ministério da Saúde, a pele humana é um curativo biológico e preserva temporariamente áreas queimadas. O tempo de internação em vítimas de queimadura é de, aproximadamente, um dia para cada um por cento de área queimada, variando de acordo com as complicações que podem surgir.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here