Página do governo federal comete enorme gafe e mostra senhas de todo o Planalto

0

O Portal Brasil, página do governo federal, que trás informações do governo brasileiro, do presidente da República e dos Estados, cometeu uma “grandiosa” gafe nesta manhã de terça-feira (10). Eles acabaram, por engano, postando no Twitter todas as senhas das figuras do governo, desde Facebook até Instagram e G-mail.

Junto com as senhas veio escrito um post com o link do Google Drive anexado. O post estava dizendo que a Força Nacional permaneceria mais 60 dias no Rio Grande do Norte.

Uma #Senha, que aparentemente é usada pela equipe do presidente Michel Temer, “planaltodotemer2016”, possuía ao lado, escrito em vermelho, “Não trocar a senha nunca”.

Após perceber o grande vacilo, a equipe do Portal Brasil apagou todos os posts e com certeza, deve estar desesperada trocando todas as senhas.

Retorno ao Brasil

O presidente do Brasil #Michel Temer está viajando de volta ao Brasil, nesta terça (10). Ele estava em Portugal, onde foi até o funeral do ex-presidente e ex-ministro de Portugal Mário Soares. Soares tinha 92 anos e morreu no sábado passado (07).

José Sarney acompanhou Temer na viagem. Eles foram recebidos pelo presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa. Temer afirmou que essa viagem foi para mostrar a grande cooperação e amizade que existe entre os dois países e dar condolências ao ex-presidente falecido.

O presidente brasileiro também lembrou da “forte relação” de Soares com os presidentes que passaram pelo Brasil, como Fernando Henrique Cardoso e o próprio Sarney.

Protestos

No momento de sua chegada em Portugal, Temer foi recebido com alguns protestos. Cerca de 20 manifestantes se posicionaram em frente ao Hotel Ritz, por volta das 9h da manhã. Eles gritavam “Fora Temer” e “golpista”.

O peemedebista recebeu muitas críticas por ter ido à Portugal e se ausentado de comparecer em cidades que tiveram as chacinas nos presídios.

Diante dos protestos, a polícia portuguesa intensificou a segurança para evitar transtornos ao presidente brasileiro. No ato, os manifestantes faziam alusões à revolução de 25 de Abril, conhecida como Revolução dos Cravos, movimento que deu origem a democracia no País.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here