Delegado ouve travesti esfaqueada em apartamento, em Cruz das Almas

0

A travesti que sofreu uma tentativa de homicídio no último dia 11, em um apartamento, no bairro Cruz das Almas, prestou depoimento ao delegado Robervaldo Davino, do 6º Distrito Policial, nesta terça-feira (20).

De acordo com Davino, responsável pelas investigações, a vítima, que trabalha como garota de programa, confirmou a versão das colegas. Anteriormente, uma das garotas que divide o apartamento com ela relatou para a polícia que a travesti e um cliente tinham feito um acordo para o pagamento do programa.

“Ela ratificou tudo o que foi dito anteriormente pelas colegas. Já que o cliente estava sem dinheiro para pagar, ficou certo que ela deixaria o celular como garantia. Mas, depois da relação sexual, ele quis pegar o celular de volta, o que deu início a discussão que terminou neste crime”, afirmou.
O suspeito teria usado uma faca peixeira que estava na cozinha para atacá-la e fugiu a pé pelas ruas do bairro. Segundo a vítima, ele era alto, loiro e forte, e estava usando um casaco preto.

“Ela disse que não o conhece e não tem a menor ideia de quem seja, pois foi um programa momentâneo. A vítima conheceu o rapaz naquele momento”, disse.

O delegado ainda acrescentou que segue em busca da identificação do suspeito e conta com o apoio da população. “Quem souber do paradeiro deste homem, quem conhecê-lo, pode denunciá-lo através do Disque Denúncia 181. Seria muito importante para ajudar a localizá-lo”, finalizou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here