Andressa Urach revela que fez sexo com cachorro e que perdeu a virgindade com irmão

0

Andressa Urach revela que seu primeiro orgasmo foi com cão e que perdeu a virgindade com meio-irmão no seu livro, Morri para viver – Meu submundo de fama, drogas e prostituição. Na biografia, onde conta que se prostituía, a vice-Miss Bumbum 2012 narra ainda outros detalhes do seu passado. Confira trechos do livro.

MEIO-IRMÃO: “Comemorei o aniversário de 15 anos ao lado do meu pai e do meu irmão, então um garoto de 16 anos, filho de outro casamento. Meu pai o obrigava a participar dos bailes da cidade para me proteger, como se fosse um segurança particular. Ao voltar de uma dessas festas, bêbados, dormimos na mesma cama e tivemos relação sexual. O primeiro homem da minha vida foi o meu irmão”.

link-zap
Loading...

19-u-maior
CACHORRO: “Ainda mais nova tive meu primeiro orgasmo com um animal. Um cachorro lambia minhas partes íntimas e, pasmem, eu sentia prazer. Essa degradante e demoníaca cena acontecia nos momentos em que brincava com uma vizinha de rua, dona de uma criação de cães”.

DROGAS: “Comecei a fumar com 11 anos. Até que, ainda aos 13 anos, descobri a maconha. Cheirei cocaína pela primeira vez com um jovem casal de amigos em uma festa particular em uma cobertura de Porto Alegre. A primeira delas (overdose) ocorreu durante uma festa rave em Viamão, cidade vizinha a Porto Alegre. Eu desmaiei de tanto ingerir balas (ecstasy) e só acordei no hospital. A segunda overdose aconteceu em outra rave, dessa vez no balneário de Punta del Leste, no Uruguai. Sob o efeito de drogas alucinógenas, como lança-perfume e balas, misturei álcool com medicação de tarja preta”.

RITUAIS: “Encomendei incontáveis rituais às entidades para fazer o mal. Para um dos meus alvos, uma garota de programa que me esnobava, exigi dos espíritos que fizessem nascer fungos no órgão genital dela. E aconteceu de maneira como determinei: surgiram sete furúnculos em sua parte íntima. Paguei rituais para expulsar, roubar, provocar doenças e até matar outras meninas, movida sempre por ódio”.

ORGIA: “Todos (jogadores) beberam uísque na piscina aquecida e, na hora do banho de sauna, houve relação sexual em grupo. Os homens não se tocaram, mas virei um objeto na mão de cada um deles”.

SEXO COM GALÃ: “(Um modelo brasileiro) Intermediou um encontro surpreendente com um famoso galã de novelas. ‘Ele é casado, pai e tem umas taras diferentes. Nada que te machuque, mas gosta de coisas fora do comum’, disse o modelo. R$ 8 mil em espécie conferidos por mim. Em meio à relação sexual, descobri os fetiches. Ele me dava tapas e puxava meus cabelos com força. Até que passou a morder minha cabeça sem parar e com violência. Foram tantas bocadas em mim que terminei a relação com o crânio cheio de marcas de dente”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here