Naldo se defende dos ataques do pai, que o acusa de abandono

0

Através de sua assessoria de imprensa, o cantor Naldo mandou uma nota e um vídeo se defendendo das acusações do pai contra ele. Nesta quarta-feira, 20, o jornal “Extra” publicou uma entrevista com Manoel Jorge da Silva na qual o pedreiro diz que o filho não o ajuda financeiramente e ignora a sua existência.

Manoel trabalha em um terreno na Vila Pinheiro, no Complexo da Maré, no Rio. Segundo o pai do cantor, de 73 anos, ele não fala com Naldo há mais de um ano. Manoel alega não ter dinheiro para pagar o aluguel da casa onde mora e que precisou enfrentar o corredor de um hospital público aguardando vaga para ser operado.

pai-naldo-benny-460x320

Dos Estados Unidos, onde está em viagem com a mulher, Ellen Cardoso, a sogra e os filhos, Pablo e Maria Victória, Naldo mandou um comunicado e um vídeo. Na imagem antiga, o pai do cantor aparece elogiando o filho famoso, diferentemente das acusações recentes.

Segundo uma fonte do EGO, o motivo da briga entre pai e filho seria um relacionamento extra-conjugal mantido por Manoel Jorge desde a época que a mãe de Naldo, Ivonete, estava viva. Ivonete foi casada com ele por 47 anos e morreu há dois, vítima de câncer. Três meses após a morte da mulher, Manoel casou com quem seria sua amante.
“- Quando ele diz que trabalha virando laje para sobreviver, ele se esquece de dizer que ele é dono da fábrica de laje e que eu o ajudei a montar justamente para ter o seu próprio negócio e poder seguir sua vida com dignidade

– É inverdade quando ele diz que tem um ano que não nos falamos. Verdade que nos afastamos bastante por conta das agendas de shows, mas sempre que possível ele estava em minha casa. Dizer que nunca foi lá é até engraçado.

– Sobre a casa que comprei, na verdade foi um presente para o meu pai e minha mãe. Foi dada bem antes de ela falecer e, infelizmente, não pode curtir o sonho realizado pois o destino quis assim.

– Não se sentindo à vontade em morar na casa que dei para ele e minha mãe com a sua nova esposa, a qual foi nos apresentada dias após minha mãe falecer, meu pai devolveu a chave da casa e foi viver com sua nova mulher.

– Eu ajudei na reforma da casa da família por diversas vezes. Se ele tivesse me procurado, teria ajudado dentro da medida do possível, como sempre.

– Sobre sua internação, eu nem fiquei sabendo. Lamento muito o ocorrido e, como venho falando, me coloco à disposição para ajudar sempre que possível.

– Ele sabe qual é o real motivo do meu afastamento. Ele não respeitou a memória da minha mãe. Não vou entrar em detalhes, mas ele tanto sabe que na reportagem ele diz que fui contra o casamento dele e não é bem isso.”

link-zap
Loading...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here