Tevez vai ao hospital para visitar adversário machucado e se desculpa

0

O atacante Carlos Tevez voltou a se mostrar compreensivo com a situação de Ezequiel Ham, volante do Argentinos Juniors que se lesionou gravemente no fim de semana após entrada forçada do camisa 10. Condenado por uma série de críticos, Tevez se mostrou disposto a colaborar na recuperação do adversário e voltou a reforçar que não teve má intenção alguma.

Nesta terça, Tevez foi à Clínica Olivos, na capital Buenos Aires, para visitar o colega de profissão antes de Ham ser submetido à segunda cirurgia para corrigir as fraturas na tíbia e perônio, principais ossos da perna. O jogador do Boca Juniors ouviu agradecimentos por parte do jogador e de sua família, que ficaram tocados com a preocupação demonstrada por Tevez. O volante do Argentinos deve ficar fora dos gramados por pelo menos seis meses.

link-zap
Loading...

20150922172739 (1)
A rápida visita de Tevez, respeitando os protocolos hospitalares, antecedeu à viagem até Córdoba, onde o Boca Juniors enfrentará, nesta quarta, a equipe Defensa y Justicia, pelas quartas de final da Copa da Argentina. “Quando acontece algo assim só me resta pedir desculpas, não tive má intenção nem nada parecido, até porque nunca passei por isso. Para mim a sensação sobre o jogo era muito boa, porque tinha feito dois gols, mas tudo mudou depois do que aconteceu”, declarou Carlitos.

Principal contratação do Boca Juniors para essa temporada, comprado por cerca de 5 milhões de euros da Juventus, o atacante ainda pediu aos doutores do departamento médico do Boca, Pablo Ortega Gallo e Jorge Batista, para que acompanhem, ao longe, o período pós-operatório e a recuperação do jogador. Criticado por uma série de personalidades do futebol argentino, como o presidente do San Lorenzo, Matias Lammens, e o técnico do Argentinos Jrs., Goronsito, Tevez deve passar impune nos tribunais.

“Bancamos e aparamos o jogador acreditando que não existiu má intenção na jogada. Ele ficou muito mal depois do acontecido, ficou mal consigo mesmo e sabia o que podia acontecer”, disse César Martucci, secretário-geral do clube. O presidente Daniel Angelici, por sua vez, lamentou a ação de Tevez e caracterizou a entrada faltosa como “imprudente”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here