Bebê morre após ser espancado; mãe e padrasto são presos

0

Uma criança de 2 anos morreu depois de ser espancada pela própria mãe e pelo padrasto, em Goiânia. Os suspeitos foram presos na última semana, mas a Polícia Civil divulgou o caso apenas nesta segunda-feira (20). O casal, Bruna Lucinda Batista Ferreira, de 28 anos, e o companheiro, Gedeon Alves dos Santos, de 24, relatou no boletim de ocorrência que o menino morreu após sofrer um acidente de trânsito.

Para tentar esconder as provas do crime, o delegado responsável pelo caso, Dannilo Proto, disse que os suspeitos incendiaram o imóvel em que moravam e fugiram. O Conselho Tutelar foi acionado e recebeu denúncias de que o bebê era vítima de maus-tratos e agressões. “O fígado foi dilacerado, o pâncreas partido ao meio e tinham várias lesões na cabeça”, detalhou o delegado.

Segundo informações do Extra, depois de realizados os exames, ainda foi constatado que a criança foi estuprada. À polícia, o padrasto confessou que utilizou um amassador de legumes para praticar o abuso sexual. A mãe, por sua vez, negou participação. “Mas ela sabia das agressões e foi conivente com o assassinato do filho”, acrescentou Proto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here