Bruno pode deixar cadeia em três semanas ao Flamengo

6

O advogado do goleiro Bruno, Rui Pimenta, promete que irá fazer com que o jogador se apresente ao Flamengo um dia depois de ser libertado, caso consiga um habeas corpus para deixar a cadeia. E, de acordo com o advogado, isto pode acontecer em breve. As informações são do UOL.

Publicidade

Rui Pimenta afirma que o Supremo Tribunal Federal (STF) deve julgar em até três semanas o pedido de habeas corpus para que Bruno aguarde em casa o julgamento sobre a sua participação na morte da ex-amante Eliza Samudio.

“Não tenho dúvida de que seu recurso em habeas corpus será concedido pelo Supremo Tribunal Federal”, diz Rui Pimenta. “No dia seguinte à libertação,  vou reapresentá-lo ao Flamengo para que seja reintegrado ao time”, promete o advogado.

A promessa de reintegrar Bruno ao Flamengo tem sustentação jurídica, segundo Rui Pimenta. “O goleiro teve o contrato suspenso (e não rescindido) pelo Flamengo, após a prisão, há dois anos. Quero apresentá-lo para fazer valer as leis trabalhistas. Ele ainda tem contrato com o clube e deverá aguardar o julgamento em liberdade, seguindo o que determina a lei”.

A presidente do Flamengo, Patrícia Amorim, não foi encontrada para comentar a possibilidade de voltar a ter Bruno no clube, após o julgamento do habeas corpus pelos ministros do STF.

Falando pelo clube, a assessora Roberta Pinto confirmou que o contrato de Bruno está suspenso “porque o goleiro estava impossibilitado de cumpri-lo. Se for solto, falaremos diante de nova realidade”, explicou a assessora.

Bruno é acusado de ter participado de sequestro, assassinato e ocultação do cadáver da ex-amante, Eliza Samudio, com quem teve um filho. Desaparecida em 2010, o corpo de Samudio até hoje não foi encontrado. O crime, segundo a Justiça, ocorreu no dia 10 de junho de 2010.

Das dez pessoas envolvidas, outras cinco também foram denunciadas pela Justiça de Minas Gerais, na Comarca de Contagem, por homicídio triplamente qualificado. A pena máxima pode chegar a 30 anos de reclusão.

Dos denunciados, apenas Bruno, o amigo Macarrão (Luis Henrique Romão) e o ex-policial Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, permanecem presos, desde 2010. Os demais aguardam o julgamento em liberdade.

“Bruno é primário, tem bons antecedentes e não apresenta risco de fugir para outro país. Essas condições são fundamentais para que ele aguarde o júri em liberdade. A lei diz isso, eu peço em nome da lei”, explicou o advogado Pimenta.

Para mudar o rumo do processo, o advogado entregou o passaporte de Bruno ao STF, junto com o certificado de vacinas. “Alguns países não aceitam turistas sem certificado de vacina”, disse o advogado.

O recurso (agravo de decisão) que pode libertar Bruno deve ser julgado pelo STF em até três semanas. Enquanto aguarda o momento da decisão, o advogado revela “um sonho com final feliz, envolvendo o goleiro do Flamengo”.

“Ele será julgado separadamente e acredito que possa ser até absolvido pelo Tribunal do Júri, porque não mandou matar Eliza. Sonho com sua absolvição e que, livre do problema, possa continuar sua carreira e até vestir a camisa da seleção brasileira, em 2014.”

6 COMENTÁRIOS

  1. otários, claro que o flamengo vai reintegra-lo a suas fileiras, já tem ronaldinho gaucho, vagner love, adriano e para completar bruno, isso só ira facilitar o trabalho da policia, 04 elementos, configurando assim “formação de quadrilha” na gávia.kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  2. SEU BESTA ACIMA, CADE A MATERIALIDADE DO CRIME ? SE NÃO HA MATÉRIA NÃO CRIME, E OUTRA O BRUNO TEM BONS ANTECEDENTES, SUA IONICIDADE TAMBEM E BOA MORA NO DESTRITO DA CUPA, NUNCA FEZ MAU A NAÇÃO, NÃO HA PERIGO EM EMBARAÇA O PROCESSO!
    NO MEU VER BANDOS DE BABACAS MERECE RESPONDER O PROCESSO EM LIBERDADE SIM!!

    JUSTIÇA!!

  3. Eu já tinha libertado ele e dado lhe um premio pq se ele matou ele merece esse foi o segundo melhor crime que já vi.
    Só perde pro Jeck Estipador.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here