Começa protesto contra morte de operários em acidente em prédio em construção

0

Dezenas de trabalhadores da construção civil em Salvador já começaram o protesto na manhã desta quarta-feira (10), na Avenida Paralela, contra a morte dos nove operários em um acidente ocorrido no elevador de um prédio que ainda estava em processo de edificação. Por volta das 7h da manhã de ontem, o equipamento caiu do 28º andar, uma altura equivalente a 84 metros de altura.

A notícia continua após esta Publicidade

Segundo informações da Superintendência de Trânsito e Transporte de Salvador (Transalvador), os manifestantes se reuniram em frente ao canteiro de obras do Le Parc, entre o Posto 3 e o viaduto de Dona Canô, e seguiram em direção ao Centro, congestionando o trânsito na região. Devido a isso, o órgão pede aos motoristas que evitem as imediações e optem por outras alternativas.

Enterro das vítimas
Segundo informações do Sintracom, serão enterrados na capital, Antônio Elias da Silva, carpinteiro, e Lourival Ferreira, armador, no Cemitério Bosque da Paz, às 11 horas; Hélio Sampaio, pedreiro, no Cemitério Campo Santo, às 15 horas e José Roque dos Santos, pedreiro, também no Cemitério Bosque da Paz, às 14h.

Já no interior da Bahia, serão enterrados Antônio Reis do Carmo, armador, em Nazaré do Jacuípe; Antônio Luis Alves dos Reis, carpinteiro, em Conceição do Jacuípe; Jairo de Almeida Correia, ajudante prático, em Irará; Martinho Fernandes dos Santos, carpinteiro, em Conceição de Feira; e Manuel Bispo Pereira, ajudante prático, em São Miguel das Matas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here