Jornalista da Record é punido por engravidar fiel da Igreja Universal

1

O jornalista Matheus Furlan, principal repórter do “Balanço Geral” de São Paulo, foi punido pela direção da Record por ter engravidado uma funcionária da emissora, cuja família é ligada à cúpula da Igreja Universal do Reino de Deus.

Segundo informações do site Notícias da TV, Furlan só voltará a integrar a escala de apresentadores do “Cidade Alerta” aos sábados após definir a data de seu casamento com a colega de trabalho.

De acordo com o site, o jornalista já namorou, no início deste ano, uma produtora 13 anos mais nova que ele.

A notícia continua após esta Publicidade

“O Furlan é maluco de namorar ela. Ela é bonita, muito gente boa, uma profissional excelente, mas todo mundo sabe da família dela, da ligação com a igreja. Ninguém nunca teve coragem de se engraçar com ela justamente por isso. A família dela é muito tradicional na igreja. Esse namoro nunca foi bem-visto aqui dentro”, disse ao Notícias da TV um repórter, que pediu para não ser identificado.

Para seus colegas de trabalho, a gravidez da outra funcionária da Record foi um “acidente de percurso”.

1 COMENTÁRIO

  1. Agora a culpa eh só do repórter eh?
    Como assim! Eu acho engraçado isso, eu como mulher, não deixaria a culpa cair só nele não… Em momento algum lá fala qe ele estrupou ela, ou qe ficou com ela q força, eles estavam namorando, ela como uma evangélica devia falar das suas doutrinas, deixar claro os limites da relação!!! Ooou eh cada uma viiu!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here