Juiz diz que anulou união homossexual por influência de Deus

0

O juiz Jeronymo Villas Boas, reponsável pelo cancelamento do registro de uma união estável gay na Justiça de Goiás, afirmou,  nesta quarta-feira (22), que agiu por influência divina. Durante um ato das frentes parlamentares Evangélica e da Família, realizado nesta manhã, na Câmara Federal, o magistrado por diversas vezes citou Deus na sua argumentação e admitiu o descontentamento com decisão do Supremo Tribunal Federal (STF). “Deus me incomodou, como que me impingiu a decidir. […] Eu, como você, tenho direito a expressar a minha fé e sou livre para exercer o meu ministério. Isso não interfere nos meus julgamentos. Mas sou pastor da Assembleia de Deus Madureira. E não nego a minha fé”, afirmou. Durante seu relato, o juiz recebeu apoio dos parlamentares presentes, como o deputado federal Anthony Garotinho (PP-RJ). “Essa desobediência santa nos inspira”, declarou o carioca.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here