MST improvisa sala de aula durante protesto na Secretaria da Educação

0

Um grupo de pessoas ligadas ao Movimento Sem Terra (MST) se reuniu em frente a Secretaria da Educação do Estado, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), na Avenida Paralela, em Salvador, na manhã desta quarta-feira (20). Os manifestantes usaram uma lona para improvisar uma sala de aula no local. De acordo com a Transalvador, a situação não interferiu no trânsito da região.

Segundo informações de Wesley Lima, assessor do MST, os manifestantes estavam acampados em frente a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural, também no CAB, e se deslocaram para cobrar respostas de um pauta entregue à Secretaria da Educação há mais de um ano.

mst-01

Entre as reivindicações do grupo, estão a construção de novas escolas e melhorias na qualidade da educação no campo. “Se a educação não vai até o campo, o MST vai até a educação. Estamos aqui para cobrar nosso direitos”, disse Wesley Lima.

Em nota, a Secretaria da Educação do Estado da Bahia informou que em relação a pauta de reivindicação do MST estão assegurados os atendimentos de professores, transporte e alimentação escolar para as escolas do campo, assim como os cursos de Educação Profissional.

Quanto à construção de escolas, a Secretaria esclarece que já concluiu três novas escolas nos assentamentos Chico Mendes, em Porto Seguro, Rosa do Prado, na cidade de Prado, e Vale da Conquista, em Sobradinho. As informação é de que as escolas serão entregues no mês de maio.

Ainda de acordo com Secretaria, está prevista mais uma nova escola em Lagoa e Caldeirão, no município de Vitória da Conquista, com 60% da obra já concluída para entrega em breve.

Por volta das 10h50 o grupo havia deixa o Secretaria da Educação e estava reunido em frente a Secretaria de Planejamento (Seplan), também no CAB.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here