Músicos de banda de pagode sofrem acidente de trânsito em Salvador

0

Um acidente envolvendo músicos da banda de pagode Mr. Bob ocorreu na madrugada deste sábado (24), em Salvador. Confira flagrante no vídeo ao lado.

A notícia continua após esta Publicidade

Eles estavam em uma van, modelo Sprinter, quando o veículo tombou por volta da meia-noite na Avenida Antônio Carlos Magalhães, no sentido que leva à Avenida Lucaia, nas proximidades de uma loja de construção civil. Onze passageiros ficaram feridos e o motorista da van fugiu.

De acordo com a Superintendência de Trânsito e Transporte da capital (Transalvador), o veículo tombou na pista, projetando a lateral direita no chão. O agente do órgão de trânsito relatou que existiam sinais de arranhões e brisas na pista a 25 metros do local do acidente, o que pode ter provocado o tombamento.

Os músicos disseram, no entanto, que estavam tocando em um evento beneficente e que o motorista da van tinha ingerido bebidas alcoólicas. Segundo o baterista Ronald Santana, desde que eles saíram do local do evento o motorista já demonstrava sinais de embriaguez.

A Transalvador diz que não pode confirmar se o consumo de bebidas alcoólicas teria sido o motivo do acidente por conta da fuga do motorista, que até a manhã deste sábado não foi localizado. O órgão registrou 17 acidentes, com 18 feridos e uma pessoa morta nas últimas 24 horas.

‘Lei Seca’

A fiscalização de condutores que dirigem alcoolizados foi retomada em Salvador na noite de sexta-feira (23). A operação, conhecida como ‘Lei Seca’, aconteceu pela primeira vez na cidade em julho de 2008 e foi suspensa em julho do ano passado.

A retomada da Lei Seca foi confirmada na quarta-feira (21), após assinatura do convênio entre a Transalvador, o Detran-BA e a Polícia Militar. Em 2008, as fiscais abordaram 77 mil condutores, mais de quatro mil foram multados e quase cinco mil carteiras foram apreendidas, segundo dados da Transalvador.

A fescalização contará com 48 servidores atuando em dois pontos móveis da cidade, metade do efetivo do Detran (Departamento Estadual de Trânsito) e os demais agentes da Transalvador. As blitze não têm horário e local divulgados previamente com o objetivo de surpreender a população, mas a Transalvador relata que elas geralmente acontecem em avenidas largas, que fornecem espaço para as abordagens, e em locais com concentração de bares e restaurantes, pontos de consumo de bebidas alcoólicas.

No histórico de fiscalizações, as áreas mais comuns são Avenidas Bonocô, Magalhães Neto (Pituba), Juracy Magalhães, ACM e Orla da capital.

Lei 11.705

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), o motorista que for flagrado com teor de álcool acima do permitido, que é de 0,2 g por litro de ar, terá a carteira de habilitação apreendida e será multado em R$ 957.70.

Ainda segundo o CTB, o condutor que ultrapassar 0,29 mg por litro de ar, além de ter a carteira apreendida, vai responder a processo criminal podendo ficar preso de seis meses a três anos e será probido de dirigir.A proibição do consumo de bebida por condutores está contemplado na Lei 11.705, datada de 19 de junho de 2008.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here