Operação Cavalo de Aço da PRF intensificou fiscalização de motocicletas

0

Operação Cavalo de Aço da PRF intensificou fiscalização de motocicletas e flagrou ex-presidiário portando arma de fogo em Vitória da Conquista/BA

A Superintendência de Polícia Rodoviária Federal na Bahia realizou, entre os dias 08 e 10 de outubro, mais uma etapa da Operação Cavalo de Aço, que visa intensificar a fiscalização de motocicletas, prevenindo acidentes de trânsito, ações criminosas e cometimentos de infrações, principalmente envolvendo veículos de duas rodas. As ações ocorreram no trecho urbano da BR 116 que corta o município de Vitória da Conquista, localizado na região sudoeste da Bahia.

O crescente número de motocicletas em circulação no trânsito das cidades brasileiras tem sido acompanhado pelo de acidentes envolvendo este tipo de veículo. Na década passada, entre 1996 e 2011, o número de óbitos em acidente de trânsito envolvendo motocicletas aumentou 932,1%, segundo o Mapa da Violência no Brasil 2013 – Acidentes de trânsito e motocicletas.

14650735_1302189556472134_428251436651106969_n

Com atuação em pontos estratégicos, os policiais focaram em condutas irregulares, uso de equipamentos obrigatórios, além de verificarem o porte da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), visando reduzir a incidência de ocorrências relacionadas às motocicletas, especialmente aquelas com acidentes graves. A escolha da PRF para o local de desencadeamento de Operações Temáticas, como a Operação Cavalo de Aço, é baseada em estudos estatísticos que definem locais e horários para sua realização.

Durante os três dias de execução das atividades, foram fiscalizados 262 veículos e 302 pessoas. Foram 392 autos de infrações lavrados por diversas irregularidades, com destaque o grande número de condutores de motocicletas que não possuíam habilitação, motos sem o devido licenciamento, com excesso de passageiros e com irregularidades nos equipamentos obrigatórios. 62 motocicletas foram apreendidas e recolhidas por diversos motivos. 22 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV) e cinco Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH) foram recolhidas. Um condutor foi flagrado conduzindo sob efeito de álcool, infração gravíssima, com multa de R$ 1.915,40.

No início da tarde de hoje (10), último dia das ações, a PRF deteve um ex-presidiário portando uma arma de fogo. O flagrante ocorreu quando os PRFs abordaram um ciclomotor Shineray/Phenix. Durante a fiscalização, os policiais realizaram uma revista pessoal no condutor e encontraram, na linha da cintura, um revolver calibre .38, marca Rossi, com cinco munições intactas.

Após verificação no banco de dados, os policiais descobriram que o homem já havia respondido criminalmente por homicídio, latrocínio e tráfico de drogas, tendo cumprido pena durante sete anos.

O homem foi detido e encaminhado para a delegacia de polícia judiciaria local, onde responderá por porte ilegal de arma de fogo.

link-zap
Loading...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here