Orkut promete lança nova rede social no Brasil em agosto e quer evitar erros do Facebook

0

Orkut Buyukkokten, engenheiro turco, ex-Google e criador do Orkut — rede social que levou seu nome — conversou com o TechTudo sobre o Hello, novo aplicativo de social media que pretende lançar no Brasil ainda no mês de agosto. Disponível nos países de língua inglesa e previsto para os brasileiros inicialmente em agosto, o Hello promete aterrissar por aqui o quanto antes e acelerou o passo.

O desenvolvedor prometeu ainda uma versão “web” (para rodar em navegadores) da rede social (que começou no Android e no iOS – iPhone). Além de um ambiente, a princípio, sem publicidade. Focado em paixões e não em curtidas, o Hello quer aproximar pessoas com gostos em comum, como nas comunidades do Orkut. Early adopters, os brasileiros estão na mira da rede social para levar o Hello aos quatro cantos do mundo.

Autor de uma carta emocionada no domínio ainda vivo orkut.com, Buyukkokten se revela otimista sobre a jornada de criar — em um cenário em que o Facebook domina e com novos players comoSnapchat e Instagram — uma rede social nova, com uma proposta diferente, fruto de um mix de ideias.

Exemplos de baixa adesão dos usuários não faltam, o próprio Google+, do Google, e o Twitter, que já teve dias melhores, são bons motivos para pensar em desistir, mas na disso desanima o fundador do Hello.

Em uma crítica direta a rede social de Mark Zuckerberg, Orkut Buyukkokten quer reviver o que há de melhor no Orkut e eliminar  — ou ao menos tentar — o discurso de ódio, que é promovido em larga escala no Facebook. Com 1,6 bilhão de usuários ativos, o site domina o setor, serve como plataforma para todo tipo de discussão, mas sofre com críticas de todos os tipos ao feed de notícias: insegurança sobre privacidade, parcialidade na distribuição de notícias, censura com nudez e volume de anúncios.

orkut_perfil

De longe, a missão de convencer mais de um bilhão de pessoas a usar o Hello pode parecer impossível. Caminhando na contramão do design flat e simples, a rede social extrapola em cores, texturas, além de oferecer compras in-app. Como ponto positivo, dispensa os anúncios e promete ser um lugar mais tranquilo que o rival, já que o foco é compartilhar apenas o que gera sentimentos bons.

TechTudo: Como você se sente sobre o fim do Orkut?

Orkut Buyukkokten: O Orkut.com se tornou uma comunidade com mais de 300 milhões de pessoas. Quando acabou, foi um momento triste para todos nós. Não queremos perder o que nós criamos juntos. Eu vejo isso [a nova rede social] como o início de um novo capítulo e não como o fim de uma história.

O cenário das redes sociais mudou tremendamente na última década. Todos nós mudamos em muitos aspectos fundamentais, em termos de como nos conectamos on-line e como acessamos mídias sociais. O Hello é a próxima evolução em redes sociais e também o início de uma nova e maravilhosa jornada.

TT: O que o motivou a criar a Hello?

Orkut Buyukkokten: As redes sociais hoje não conectam as pessoas umas com as outras como elas se conectam na vida real. Paixões nos conectam a nós mesmos e as pessoas ao nosso redor. Hello é uma rede social construída sobre paixões. Conecta você com conteúdo e com pessoas em torno das suas paixões.

A coisa mais importante que você pode ter neste mundo é sempre a amar você mesmo, ser amado também, expressar sua personalidade autêntica e compartilhar as suas paixões mais genuínas. Eu queria criar uma rede social sobre amores, não curtidas [uma referência direta ao gigante Facebook].

TT: Por que apenas aplicativo no celular?

Orkut Buyukkokten: Hoje, tudo está em transição para o móvel: pesquisa, tv, shopping, notícias e mídia social. Nós construímos o Hello como uma rede social mobile-first [celular, primeiro], com a nova geração em mente. Celulares tem sido a nossa prioridade. No entanto, estamos planejando lançar uma versão web.

TT: Quais as diferenças e semelhanças entre o Hello e o Orkut?

Orkut Buyukkokten: Há muitas diferenças e semelhanças entre Hello e Orkut. Duas são as mais importantes.

O Orkut.com era uma rede social web-first. Desde então, a maioria das redes sociais fez a transição para aparelhos móveis [celulares e tablets]. O Hello já nasceu com uma experiência mobile-first.

As comunidades eram muito populares no orkut.com. No Hello, nós projetamos toda a experiência em torno das comunidades. Chamamos essas paixões, baseadas em comunidades [do velho Orkut], de Personas. Personas conectam você com pessoas e conteúdo em torno das coisas que você ama.

TT: Por que tivemos uma limitação geográfica no lançamento?

Orkut Buyukkokten: Nós começamos o lançamento do Hello apenas em países de língua inglesa. Lançamos nos Estados Unidos, no Canadá, na Nova Zelândia, na Austrália, na Irlanda e no Reino Unido. O nosso próximo alvo são os países que não falam inglês. Queremos lançar aplicativos nativamente construídos nas línguas desses países e estamos trabalhando duro para localizar e traduzir todo o conteúdo para os membros. Estamos planejando um novo lançamento para França, Brasil, México e Alemanha.

TT: Temos uma data específica para o lançamento do Hello no Brasil?

Orkut Buyukkokten: Estamos planejando lançar o Hello no Brasil, em português, até o fim de agosto.

hello_group

TT: Quais são as suas expectativas com Hello no Brasil?

Orkut Buyukkokten: Eu acredito que a experiência do Hello realmente combina com a cultura e as pessoas do Brasil. O Brasil tem uma cultura muito vibrante e todos os brasileiros são cientes dessa qualidade. Os brasileiros são acolhedores, simpáticos, abertos e tem uma visão positiva da vida. O Hello é sobre expressar nossos “eus autênticos”, nossas paixões verdadeiras e fazer novos amigos que compartilham das nossas paixões na vida, o que é muito compatível e próximo dos brasileiros e da sua cultura.

TT:  O que difere os usuários brasileiros em redes sociais?

Orkut: Os usuários brasileiros são early adopters e muito abertos a novas experiências. Os brasileiros também são extremamente simpáticos e acolhedores na vida real, o que se reflete nas interações online nas redes sociais. Eu acredito que a origem vem da cultura e da conectividade.

TT: Como você planeja trabalhar com monetização no Hello?

Orkut Buyukkokten: Nosso objetivo é oferecer a melhor experiência de usuário no hello. Temos um modelo de compras embutido que permite que os membros adquiram “hello coins” que autorizam acesso a conteúdo e características do app. No entanto, a compra de moeda virtual não é necessária para os nossos membros. No momento, não pretendemos usar a publicidade aleatória para gerar receita.

img_0065

TT: Você tem uma mensagem para os brasileiros?

Orkut Buyukkokten: Eu tive a sorte de visitar o Brasil no ano passado. Foi uma aventura incrível. Tive uma ótima experiência em um país muito bonito e pude conhecer os brasileiros pessoalmente. Nossa equipe está muito animada para lançar o Hello no Brasil e em português. Convidamos todos os usuários do antigo orkut.com e todos os brasileiros online para se inscrever e experimentar o Hello quando lançarmos.

link-zap
Loading...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here