Trabalhadores esquecem R$ 9 milhões na Caixa

0

Cerca de R$ 9 milhões estão parados nos cofres da Caixa Econômica Federal. Isso porque 13.243 trabalhadores do Grande ABC esqueceram de resgatar o abano salarial referente a 2009. Quem ainda não sacou o dinheiro (equivalente a um salário-mínimo) têm até o dia 30 para fazê-lo.

O prazo também vale para a retirada do rendimento do Programa de Integração Social, que junto com o abono soma R$ 32 milhões e 374.510 trabalhadores. Tem direito ao abono salarial quem foi cadastrado no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público até 2005, trabalhou no mínimo 30 dias – consecutivos ou não – em 2009, com carteira de trabalho assinada, e recebeu até dois salários-mínimos. “Aqueles que têm conta-corrente na Caixa já têm o valor transferido automaticamente”, explica o gerente regional de canais do banco estatal, Fabio Secomandi.

Os que não são clientes precisam se dirigir a uma casa lotérica, caixa eletrônico ou balcão de atendimento da instituição financeira e apresentar o Cartão do Cidadão. “No caso de não ter o documento, basta levar o RG em alguma agência”, recomenda Secomandi.

 

PIS

Na região, 361.267 pessoas ainda não resgataram rendimentos do PIS, o que equivale a cerca de R$ 23 milhões parados nos cofres da Caixa. Até o dia 16, apenas 353.654 pessoas resgataram os rendimentos.

Muita gente deixa para sacar o rendimento do PIS somente quando se aposenta, já que os ganhos são acumulativos. “No caso do abono, quem não sacar até o fim deste mês, perderá o benefício, não podendo resgatá-lo posteriormente. O valor esquecido pelos trabalhadores é devolvido ao Fundo de Amparo ao Trabalhador”, diz o o gerente regional.

Os rendimentos são garantidos ao trabalhador que foi cadastrado no PIS/Pasep até 4 de outubro de 1988 e que tenha saldo. “Até aquela data, esse imposto, recolhido pelas empresas, ficava num fundo. Com a mudança na Constituição, hoje, a verba recolhida sobre a folha de pagamento vai para os cofres públicos e financia benefícios como o seguro-desemprego”, explica a advogada tributarista, Rosania de Lima Costa.

Vale lembrar que os saques tanto do abono salarial quanto dos rendimentos do PIS, para o exercício 2010/2011, tiveram início em agosto, conforme o mês de nascimento do trabalhador. A partir de agosto, outro calendário será aberto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here