Em operação quatro traficantes são presos em Iaçu

0

Três homens e uma mulher, integrantes de uma quadrilha de traficantes que agia na cidade de Iaçú, foram presos, no fim de semana, durante operação da 12ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Itaberaba) e da Delegacia Territorial (DT/Iaçú) para cumprimento de mandados de prisão temporária e de busca e apreensão. A ação contou com 25 policiais civis, com apoio da Companhia Especial Tático Operacional (CETO) da Polícia Militar e de guarnições do pelotão da PM local.

Ederson Olegario Aragão, o “Esquadro”, 24 anos, apontado como líder do bando, foi o primeiro a ser preso, em sua residência, no bairro Boiadeiras. Ele também é acusado de, na semana passada, tentar matar um traficante rival identificado como “José Cabeludo”, em disputa por ponto de venda de drogas. “Esquadro” já tem passagem pela polícia por furto. Segundo o titular da DT de Iaçú, delegado Renato Fernandes Ribeiro, o líder da quadrilha trazia cocaína de São Paulo e repassava aos comparsas para ser comercializada naquela cidade.

A notícia continua após esta Publicidade

Foram cumpridos ainda mandados de prisão contra Delani Pinto dos Santos, 24, Graciane de Jesus Teixeira, a “Sil Ciclone”, 32, e Elixandro José de Souza, o “Galego”, 27 anos. Delani e Graciane também foram presos no bairro Boiadeiras. Já Elixandro, foi capturado no bairro do Monte. Ele já tem passagem por porte ilegal de arma de fogo. Graciane foi conduzida para a carceragem da 12ª DT Coorpin. Os três homens ficarão na DT de Iaçú, à disposição da Justiça.

Em poder do bando foi apreendido um revólver calibre 38 com munição e certa quantidade de cocaína. Os policiais também encontraram um Ford Scort cor vinho, placa JLI-1211 e duas motocicletas sem placas. Todo o material apreendido será periciado pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Itaberaba. Outros dois integrantes do bando, identificados como “Pita” e “Maguila”, conseguiram fugir, mas a Justiça já expediu mandados prisão preventiva contra eles.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here