Itaberaba é a cidade que mais perdeu postos de trabalho em setembro na região

0

O mercado formal de trabalho registrou em setembro uma queda na geração empregos em Itaberaba.

Segundo informações do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), no mês, os setores da economia fechou com saldo negativo de -246 postos de trabalho com carteira assinada.

Os dados foram divulgado nesta quinta-feira pelo Ministério do Trabalho.

No os setores que mais demitiram foram a Industria com 249 demissões e o comercio com uma variação de 12 postos de trabalhos a menos.

O setor de Serviços foi o que teve melhor resultado, com apenas 12 postos de trabalho gerados no período.

PAÍS FECHOU DUAS MILHÕES DE VAGAS EM 2016

O Ministério divulgou também os dados consolidados no mercado de trabalho em 2016, segundo a Relação de Informações Sociais (RAIS). O país fechou dois milhões de vagas no período – o pior resultado da série, criada em 1975. Em 2015, o país perdeu 1,3 milhão de postos.

Segundo a pasta, os dados refletem o agravamento da crise econômica que atingiu em cheio o mercado de trabalho em 2016. Mais abrangente do que o Caged, a RAIS reúne contratações e demissões do setor privado e do setor público. No ano passado, só o Caged registrou saldo negativo de 1,3 milhão de empregos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here