Embate na Justiça decidiu resultado de eleição da Câmara de Mucugê

0

A eleição da Câmara Municipal de Mucugê, que aconteceu nesta quarta-feira (10), ocorreu após um embate na Justiça entre a presidente eleita Iara Fonseca (PT) e o ex-presidente Roque Hebert Novaes Silva (PMDB) Silva, que já era presidente da Casa por quatro biênios consecutivos. O peemedebista teria adiantado a votação para a eleição do biênio de 2015-2016 e, com base na proporcionalidade da Casa, os advogados de Iara e outros cinco vereadores da Casa, Helinelson Santana e Augusto Cézar Macedo de Oliveira, conseguiram anular na Justiça a eleição que reconduziu Hebert para a presidência da Casa nos dois últimos anos da atual legislatura. Com a decisão judicial, uma nova eleição foi convocada e a petista recebeu oito dos nove votos da Câmara. Ouvido pelo Bahia Notícias, Helinelson afirmou que “mesmo dispondo da maioria de 2/3 dos vereadores, a intervenção judicial foi a única maneira diplomática cabível para fazer valer o direito soberano do plenário da casa, haja vista que o ex-presidente sempre fez-se valer de manobras ardilosas e enganadoras, para protelar e/ou não permitir a tramitação das proposituras dos seus colegas que fossem contrárias ao seus interesses pessoais”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here