Alegria rubro-negra! O Vitória conquista o 27º título estadual após empate em 1×1

0

Com o coro dos jogadores de “o campeão voltou!” time e torcida celebraram o 27º título baiano do Vitória em 114 anos de vida. O clube, que completou aniversário na última segunda (13), ganhou este presente seis dias depois, mas garantiu o prêmio no BaVi do último domingo (12).

Com a goleada por 7×3 no primeiro clássico da final deu ao Vitória a comodidade de jogar apenas para administrar a partida de volta neste domingo (19) e voltar a ser campeão após o título de 2010.

Mesmo assim, com mais de 32 mil torcedores empurrando, o Vitória foi para cima do Bahia.

O tricolor teve o apoio de apenas 35 torcedores, bem mais que os quatro que haviam comprado bilhetes até o final da manhã de domingo. Estas testemunhas viram o Vitória abrir o placar com Dinei, aos 19 minutos.

Com 1×0, somando 8×3 nas duas partidas, a comodidade rubro-negra ficou maior, mas ainda assim, o time manteve a ofensividade.

Empurrado por Caio Júnior, os jogadores criaram algumas chances, como Renato Cajá, de falta, aos 34 minutos, e aos 40, quando Omar sai de forma precipitada e a bola fica em cima da linha. Jussandro salva o Bahia do segundo gol.

Aos 44, uma cena curiosa distraiu os tensos tricolores e os animados rubro-negros: Um cachorro entrou em campo e ficou, por dois minutos, dando trabalho para os gandulas, que montaram uma força-tarefa improvisada para deter a invasão canina.

No segundo tempo, o Bahia volta mais ousado: Ryder cabeceia com perigo aos 5 minutos.

Logo depois, Marquinhos Gabriel perde uma chance ao chutar cruzado pela esquerda.

As tentativas dão certo: Fernandão recebe livre, aos 21 minutos, e empata a partida. 1×1.

No minuto seguinte, a dupla de zagueiros tricolores tenta a virada: Rafael Donato e Titi lamentam a chance desperdiçada de cabeça.

Após estes sustos, o Vitória volta a pressionar. Dinei, sozinho, perde uma aos 42. Logo depois, aos 44, Marquinhos, que tinha entrado na etapa final, tenta encobrir Omar e acaba ganhando uma bronca do técnico Caio Júnior.

Antes mesmo de terminar o tempo regulamentar e os acréscimos dados pelo árbitro Wilson Seneme, a nação rubro-negra, em coro das arquibancadas e de todos os cantos do mundo celebrava algo incapaz de ser mudado do Vitória: “É campeão!!”

CAMPEONATO BAIANO – Final
Jogo de volta
Data: 19/05/2013
Local: Estádio do Barradão, Salvador (BA)
 
VITÓRIA: Wilson; Nino, Victor Ramos, Gabriel Paulista e Mansur;  Michel, Cáceres, Renato Cajá e Escudero (Vander); Maxi Biancucchi (Marquinhos) e Dinei
Técnico: Caio Júnior 
 
BAHIA: Omar; Madson, Rafael Donato, Titi e Jussandro; Toró, Helder, Diones (Freddy Adu) e Marquinhos; Fernando e Ryder
Técnico: Chiquinho de Assis (interino)
 
Árbitro: Wilson Luiz Senema (SP-FIFA), assistido por Emerson Augusto de Carvalho (SP-FIFA) e Márcio Eustáquio Santiago (MG-FIFA)
Gol: Dinei (VIT), aos 18min do 1º tempo; Fernandão (BAH), aos 20min
Cartão amarelo: Escudero, Gabriel Paulista, Vander (VIT), Jussandro, Toró, Titi (BAH)

O post Alegria rubro-negra! O Vitória conquista o 27º título estadual após empate em 1×1 apareceu primeiro em Varela Notícias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here