Homem é condenado por tentar abrir conta em banco com documento falso em Juazeiro

0

A Justiça Federal em Juazeiro, Sertão do São Francisco, condenou Antônio Pereira de Farias por ter aberto uma conta bancaria na Caixa Econômica Federal usando de documento falso.

A juíza Andréa Márcia Almeida condenou o réu a dois anos e quatro meses de prisão. Além dos documentos, Farias usou um contracheque supostamente emitido pelo Ministério da Saúde para abertura de conta. Suspeitando da autenticidade dos documentos, um funcionário da Caixa acionou a Polícia Federal, mas o réu fugiu antes da chegada dos agentes.

Dois meses depois, a Polícia Federal prendeu o sujeito em flagrante quando ele retornou à agência para retirar um cartão bancário, utilizando outros documentos falsos. Farias já havia sido anteriormente condenado por estelionato, formação de quadrilha e tráfico de drogas na 3ª Vara Criminal de João Pessoa e por uso de documento falso em outra ação que tramitou na Subseção de Juazeiro.

Segundo a sentença, a atenuante da confissão espontânea compensa a agravante da reincidência, não cabendo aumento ou diminuição da pena. Em face da reincidência, foi aplicado o regime fechado para cumprimento da pena.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here