Mais de 350 cidades fazem ação contra o Aedes aegypti

0

A mobilização nacional contra o mosquito Aedes aegypti, transmissor do vírus da dengue, chikungunya e do vírus da zika, acontece neste sábado (13) em 353 municípios. A presidente Dilma Rousseff e ministros participam da ação, que tem o objetivo de alertar a população sobre a importância do combate ao mosquito. Mais de 3 milhões de residências serão inspecionadas por agentes de combate a endemias e de saúde.

Usando uma camiseta e um boné brancos da campanha, cujo lema é “Zika Zero”, a presidente percorreu ruas da comunidade Zeppelin, na zona oeste do Rio de Janeiro. Ela cumprimentou moradores e visitou casas, acompanhada do governador Luiz Fernando Pezão (PMDB), do prefeito Eduardo Paes (PMDB) e de agentes de saúde. Diante de uma das casas, Dilma aplicou larvicida em bueiros, ralos e locais que são potenciais criadouros do Aedes.

Alagoas
Edinho Silva, ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social, participou de uma visita a terrenos que oferecem riscos de proliferação do mosquito em Maceió. Em um dos locais, havia uma piscina com água parada. A sugestão apresentada pelas autoridades foi a de aterrar a piscina e notificar o proprietário.
Espírito Santo

O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Celso Pansera, esteve em Vitória. “No Brasil, nós temos esse fato novo, que é o Zika, que apareceu em abril de 2015. Não se sabe como chegou até a gente, mas se adaptou bem ao Aedes aegypti brasileiro. Conseguiu, em um período curto de tempo, atingir diversos estados brasileiros”, disse o ministro, em Vitória.

Mato Grosso do Sul
O ministro do Esporte, George Hilton, afirmou que a prevenção é o melhor remédio para evitar custos. Ele participou do evento em Campo Grande. “O Brasil hoje está mobilizado, a população está ciente disso. Agradeço a imprensa porque o papel de vocês é fundamental para gerar consciência coletiva e nacional. Se cada um fizer o seu dever, principalmente dentro de casa, pois dois terços desses criadouros estão dentro dos lares, nós vencemos essa guerra. Então é importante que você faça sua parte e o seu vizinho também”, declarou.

Minas Gerais
O ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, participou neste sábado (13), em Belo Horizonte, do Dia Nacional de Mobilização Zika Zero. Barbosa visitou casas e repassou informações de como combater o mosquito Aedes aegypti, que transmite dengue, chikungunya e o vírus da zika. “Esse é um desafio para toda a população brasileira, para o governo. Essa é uma questão de interesse nacional que une todos os governos, que une todas as esferas de atuação do estado brasileiro”, disse.

Goiás
Em Goiânia, o ministro do Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias, falou sobre a importância da participação popular no combate ao mosquito transmissor da febre chikungunya e dos vírus da dengue e zika. “A mobilização deve ser cotidiana, este dia de hoje representa um reforço de ações do poder público, mas cada um deve continuar fazendo a sua parte, juntos a gente consegue vencer o mosquito”, afirmou.

Pernambuco
No Recife, a ministra do Desenvolvimento Social, Tereza Campello, participou de uma cerimônia no 7º Comando Militar, de onde saíram aproximadamente 1.300 militares. No estado, cerca de 7 mil homens do Exército, Aeronáutica e Marinha percorreram 31 municípios pernambucanos para conscientizar a população.
“O Exército não está indo para a rua para acabar sozinho com o mosquito, está indo para conscientizar a população. Estamos indo às ruas para convencer à população de que cada um precisa fazer a sua parte”, afirmou.

Rio Grande do Norte
O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Armando Monteiro, participa da ação em Natal. No total, 4.500 militares do Exército, Marinha e Aeronáutica vão às ruas orientar a população sobre o combate aos criadouros do mosquito Aedes aegypti. Serão distribuídos panfletos informativos e passadas orientações sobre os cuidados para combater o mosquito. Nas casas que estiverem vazias, o material informativo será deixado nas caixas de correspondência.

Rio Grande do Sul
O Dia Nacional de Mobilização Zika Zero em Porto Alegre contou com a participação do ministro das Minas e Energia, Eduardo Braga. Acompanhado do prefeito da capital gaúcha, José Fortunati, e do governador do estado, José Ivo Sartori, o representante governo federal reforçou a importância do combate ao mosquito Aedes aegypti. “Não podemos deixar que esse mosquito nasça, um mosquito que transmite doenças”, afirmou Braga.

Zika
O vírus da zika é transmitido especialmente por mosquitos infectados, principalmente o mosquito da dengue, o Aedes aegypti. A maioria das pessoas não tem sintomas mas, quando surgem, são principalmente erupções na pele, olhos vermelhos e dores no corpo. Eles desaparecem em até uma semana, em geral.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here