Mulher é baleada na cabeça e sobrevive ao se fingir de morta na BA

0

Uma mulher foi baleada na cabeça durante um atentado na madrugada desta terça-feira (1°), em Candeias, na região metropolitana de Salvador. De acordo com a polícia, Érica Cristina dos Reis de Santana da Silva se fingiu de morta, aguardou os criminosos irem embora antes de buscar ajuda. O filho dela, que tem 7 anos, presenciou à situação, mas não foi ferido. Já a companheira da vítima, Valdineia Bahia de Oliveira, também foi atingida na cabeça e morreu no local.

“Traficantes de drogas invadiram a casa dela [de Érica] e mandou que as duas ajoalhassem. Eles atiraram na cabeça das duas. Uma [Valdineia] morreu, e a outra [Érica] ficou com lesão, mas sobreviveu. Érica é ex-presidiária e cumpriu pena no presídio em Salvador durante um ano, por tráfico de drogas. Ela estava em liberdade condicional. Ela disse que estava sendo jurada de morte por um traficante de Candeias”, disse Marcos Laranjeira, o titular da 20ª Delegacia Territorial (DT/Candeias).

Conforme o delegado, a mulher foi atendida no Hospital Regional de Candeias, depois foi transferida para o Hospital do Subúrbio e passa bem. A vítima prestou depoimento na delegacia e disse que o atentado ocorreu porque um traficante da região não queria que ela desistisse do tráfico.

link-zap
Loading...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here