Mulher pede água a criança e furta bebê em casa de família em Eunápolis

0

A Polícia Civil de Eunápolis, no sul da Bahia, investiga a subtração de um bebê de três meses, do sexo masculino, que aconteceu na manhã deste sábado (5). Segundo o delegado Robson Andrade, que investiga o caso, a pessoa que levou a criança de casa, no bairro Alecrim II, é uma mulher que ainda não foi identificada.

Primeiro, a suspeita foi à casa da família e perguntou se a mãe tinha roupas para doar. A mãe disse que não tinha e a suspeita pediu para ver a criança. “A mulher pediu para ver o filho, olhou para a criança, disse que era bonita e foi embora”, contou o delegado. Em seguida, a mãe saiu para ir a um mercado do bairro e deixou o bebê com o filho de 9 anos. “Quando a mãe voltou, o filho mais velho disse que a mulher voltou à casa, pediu água e levou a criança. Foi quando começaram as buscas”, disse o delegado.

O bebê é o 10º filho de Magnólia de Jesus, uma dona de casa de 39 anos. “Ninguém conhece, nunca vimos ela. Eu fui comprar cloro e deixei ele em casa no carrinho com meu filho e a minha cunhada de 12 anos. Ela chegou, pediu roupas de bebê, mas eu disse que não tinha, que doei tudo. Eu saí para ir comprar cloro e ela voltou logo em seguida”, disse a mãe da criança. O bebê usava fralda descartável e uma camiseta com listras branca e laranja. “A polícia disse que vai achar”, afirmou.

O crime aconteceu por volta das 9h e já foram realizadas buscas na rodoviária, em hospitais e em pontos de mototaxis pela polícia, na companhia da mãe. Segundo o delegado Andrade, a família vive em harmonia e não conhece a mulher suspeita, que trajava um vestido florido na altura dos joelhos. “Ela é negra, aparenta ter 40 anos, tem cabelos medianos, lisos e pretos. Mede aproximadamente 1,65m”, informou o delegado. Por volta das 19h30, os pais da criança estavam na delegacia prestando depoimento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here