Pedido de prisão seria feito hoje caso Lula não fosse nomeado ministro

0

Se não fosse nomeado ministro chefe da Casa Civil pela presidente Dilma Rousseff (PT), Lula poderia estar preso na manhã desta quinta-feira (17). De acordo com a coluna Radar Online, da revista Veja, o Ministério Público Federal em Curitiba preparava a denúncia contra o ex-presidente e pediria sua prisão preventiva ao juiz Sérgio Moro nesta quinta.

O pedido de prisão preventiva seria fundamentado com as tentativas de obstrução da Justiça evidenciadas pelos grampos com autorização judicial – as escutas foram divulgadas à imprensa nesta quarta. Lula, informado previamente de que haveria mandado de busca e apreensão em sua casa e nas dos filhos e assessores, também foi informado que poderia ser preso ainda nesta semana.

Por conta disso, a conversa entre Lula e Dilma, divulgada na noite desta quarta (16), em que a presidente demonstra pressa em enviar ao novo ministro chefe da Casa Civil a carta de posse, o que impediria de ser preso pela Polícia Federal. Por isso também foram antecipadas a publicação da nomeação de Lula e a data de sua posse.

link-zap
Loading...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here