População denuncia domínio da facção Bonde do Maluco em Camaçari

0

A chacina que aconteceu em Camaçari na noite da última terça-feira (03) é mais uma das várias que moradores de diversos bairros no município estão se acostumando nos últimos anos, quando uma facção criminosa passou a comandar todo o tráfico de drogas e crime organizado na cidade. Nesta terça, três pessoas foram assassinadas e uma se fingiu de morta para sobreviver.

“Um rapaz trabalhou para a facção Bonde do Maluco, que comanda Camaçari, foi preso e quando saiu da cadeia, decidiu deixar a vida do crime. Mas os traficantes não perdoaram e ontem mataram seus familiares. Ele não estava na residência na hora, então eles mataram os familiares”, disse, sem se identificar com medo de retaliações. Outra testemunha contou que quem comanda o tráfico em praticamente toda a cidade de Camaçari é um criminoso conhecido como Mequinho, que se encontra preso.

“Aqui em Camaçari não tem guerra entre facção. A Bonde do Maluco simplesmente comanda tudo. E quem não aceitar as exigências deles, eles matam. Se não encontrarem o alvo, matam mulher ou filho ou irmão”, acrescentou. Uma terceira vítima citou o caso de uma mulher morta no mês passado em Camaçari: “Ela é esposa de um rapaz que trabalha para a facção. Os traficantes mataram ela porque o marido não queria mais trabalhar para eles. O marido dela estava preso na delegacia de Camaçari”, disse.

BDM x Caveira

Titular da Delegacia de Homicídios (DH), a delegada Maria Tereza conversou rapidamente com o VN na manhã desta quinta (05) e disse que a informação apontando para o domínio da facção Bonde do Maluco em Camaçari está sendo investigada. “Até então para mim quem dominava Camaçari era a facção Caveira. Ainda não posso dizer que quem está dominando é a BDM”, falou.

link-zap
Loading...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here