Professores de Itabuna param contra atrasos de salários de 2015

0

A greve de professores de Itabuna, no Litoral Sul, completa nove dias nesta quarta-feira (13). Os docentes reclamam de atraso de salários referentes a dezembro passado. Eles estão paralisados desde o dia 4 de janeiro, quando o ano letivo de 2015 seria reiniciado, após mudança de calendário por conta de uma greve da categoria. Conforme a presidente do Sindicato do Magistério Municipal Público de Itabuna (Simpi), – Maria do Carmo Souza Oliveira, a prefeitura deveria pagar os docentes no dia 5 de janeiro. Por outro lado, a gestão local alegou dificuldades financeiras para realizar os pagamentos. Segundo prometeu a prefeitura, os salários serão pagos até esta sexta-feira (15). Conforme o G1, a greve atinge estudantes do ensino fundamental e creches da educação básica. Maria do Carmo argumenta que os docentes estavam parados do dia 4 até o dia 8 por conta do déficit de 12,5% de retroatividade, relativo à data base do ano passado.

link-zap
Loading...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here