Suspeito de liderar tráfico na Avenida San Martin é preso com 100 trouxinhas de maconha

0

Apontado como líder do tráfico na região da Avenida San Martin, Antônio Marcos Marcelino Moreira, conhecido como Marcos Rambo, foi preso no último domingo (1º) e apresentado à imprensa na tarde desta segunda-feira (4). Segundo informações do jornal Correio, Antônio Marcos é membro da facção Comando da Paz (CP) e investigado pela participação em ao menos 17 homicídios relacionados ao tráfico de drogas, incluindo uma chacina ocorrida em janeiro de 2013 na Avenida Peixe, no bairro do Pero Vaz, quando cinco pessoas foram executadas. De acordo com o Correio, o delegado Jamal Amad, coordenador da 3ª Delegacia de Homicídios (DH/BTS-DHPP), há confirmação de sua participação como executor ou mandante em cinco homicídios. Antônio Marcos foi preso em uma festa realizada no bairro do Pero Vaz, na Rua Paraguai. Ainda segundo o Correio, a “Calourada”, como foi batizada, foi convocada pelas redes sociais, de acordo com o major Edmilson Barros, comandante da 9ª Companhia Independente de Polícia Militar (9ª CIPM/Pirajá). Segundo a polícia, o objetivo era vender drogas no varejo. Os vendedores, conhecidos como “vapores”, estavam espalhados ao longo da Rua Paraguai. Foram encontrados 100 trouxinhas de maconha com Antônio Marcos, no momento da prisão. Ele foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e tinha mandado de prisão em aberto expedido pera 1ª Vara de Tóxicos em novembro do ano passado, pelo mesmo crime. Ele foi condenado a seis anos de reclusão.

link-zap
Loading...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here