Terremoto é detectado na Coreia do Norte perto de zona de testes nucleares

0

Um terremoto de magnitude 3,4 foi detectado neste sábado (23) na Coreia do Norte, segundo a BBC. O tremor ocorreu perto de uma zona onde sismos semelhantes já haviam sido registrados durante a realização de testes nucleares.

Publicidade

Sismólogos chineses disseram se tratar de “uma explosão suspeita”, que pode ser um reflexo dos disparos de mísseis feitos pelos norte-coreanos.

A Coreia do Sul, no entanto, informou que se trata de um terremoto natural. A Organização do Tratado de Proibição Total de Testes Nucleares (CTBTO), ligada à ONU, também afastou a possibilidade.

O secretário-executivo da CTBTO, Lassina Zerbo, disse no Twitter que o órgão detectou “dois eventos sísmicos”, o segundo de menor potência, e que é “improvável que tenham sido gerados pelo homem”. No entanto, ele destacou que as análises são preliminares.

Teste nuclear

No último dia 3 de setembro, a Coreia do Norte realizou um potente teste nuclear que foi amplamente condenado pela ONU.

A potência do terremoto deste sábado é menor do que a usualmente detectada quando a Coreia do Norte realiza testes nucleares.

Depois do último teste, dados do Serviço Geológico dos Estados Unidos indicaram se tratar, inicialmente, de um terremoto de magnitude 5,6 a uma profundidade de 10 km.

Mais tarde, o tremor foi classificado como de magnitude 6,3 a 0 km.

O terremoto deste sábado foi registrado em uma profundidade de 0 km na província de Hamgyong do Norte, onde se localiza a zona de testes nucleares conhecida como Punggye-ri, disse a agência meteorológica da Coreia do Sul.

As autoridades sul-coreanas afirmaram acreditar que se tratou de um terremoto natural porque ondas sonoras específicas geradas por tremores artificiais não podem ser detectadas, informou a agência de notícias Reuters.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here