Testemunha diz que servidor público reagiu a assalto antes de ser morto

0

O servidor público Maceluan Dantas Magalhães, 40 anos, morreu nesta sexta-feira (04) após uma tentativa de assalto, em Itapuã, a 50 metros de casa. Segundo uma testemunha, o funcionário público reagiu ao assalto e por isso a briga com o bandido começou. “Eram umas 19h20. Eu estava trabalhando, andando com o carrinho pra ir entregar uma água e vi, a uns 50 metros, a pessoa seguindo ele. Aí deve ter anunciado o assalto e entraram em luta corporal. Foi questão de segundos, aí eu ouvi o tiro”, contou ao jornal Correio da Bahia.

Um amigo da vítima, chamado Brandão, ainda citou a demora do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para chegar. “Ele chegou do trabalho, sentou na minha mesa, tomou uma cerveja e disse: ‘eu vou em casa tomar um banho, jantar e volto pra tomar uma’. Ele ficou muito tempo no chão sangrando. O Samu levou 45 minutos pra chegar”, falou.

Roberto Spínola, comerciante, falou que o servidor foi alvo da violência justamente quando vivia um dos melhores momentos da sua vida: “Ontem ele me disse que as pessoas falam que a vida começa aos 40. E que realmente a vida dele tava começando agora, quando ele passou no concurso que levou tanto tempo estudando”, destacou.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here